Família tem papel fundamental na prevenção ao uso indevido de drogas, diz psicólogo

Palestrante foi o psicólogo Rossandro Klinjey.

rondoniaemacao.com.br 29/06/2018 09:30:07 Política Social
bxzvzCpWZCAr




REPORTAGEM:  VALDIR ALVES GALLO

A prevenção ao consumo indevido de álcool e outras drogas foi tema de palestra realizada na segunda feira (25) no auditório da Faculdade Unopar em Porto Velho. Aproximadamente 1.000 pessoas entre professores, psicólogos, pedagogos e assistentes sociais de cidades diversas lotaram o auditório. Convidada a participar a jornalista, professora universitária e ex-secretária de Estado de Assistência e Desenvolvimento social, Cláudia Moura, esteve no evento.

 

Na primeira noite, o palestrante foi o psicólogo Rossandro Klinjey. Ele discorreu sobre a importância da família na prevenção e combate ao uso de drogas. Klinjey disse que “na verdade a gente sempre teve uma atuação no combate às drogas com um modelo muito policial, de prisão ou então medicamentosa, o que não se apresenta tão eficaz. Para o palestrante, embora esses métodos de controle, em algum momento, também sejam necessários, a atuação da família na área da prevenção é imbatível.

 

“Na condição de pai, mãe, avô ou qualquer que seja o grau de parentesco, é importante observar os sinais de possibilidade de que determinada criança ou adolescente esteja sendo tragado pelo universo das drogas”, disse Rossandro. “É importante você estar ali junto para evitar que isso aconteça. É muito mais fácil você trabalhar com prevenção, em tudo, do que depois você ir à ponta resolver quando a pessoa já esta viciada”.

Nesse sentido, destacou o psicólogo, é a família que precisa aparecer como ordenador da moral e disciplinador de caráter, que leva conceitos princípios e valores. “Isso é fundamental para a construção de uma sociedade mais saudável.

 

Cláudia Moura acompanhou atentamente a palestra. Agradeceu ao convite para participar do evento realizado pela Secretaria de Estado de Assistência Social. A ex- secretária da Seas acredita que as mais de mil pessoas que estiveram no evento irão multiplicar o conhecimento adquirido em razão da palestra, de conteúdo incontestável.

“Precisamos cada vez mais dessas atividades que nos incentivem a lutar pelos valores da família principalmente quando se trata de um assunto de tamanha importância que é o consumo indevido de álcool e outras drogas, fenômeno que tem se mostrado cada vez mais complexo”.

Cláudia Moura comentou sobre o que disse Rossandro Klinjey, quando durante a apresentação, ele falou sobre a falsa blindagem que alguns pais fazem a seus filhos. Na ocasião o palestrante enfatizou que “ainda que nossos filhos não estejam envolvidos com as drogas, precisamos nos preocupar, sim, com os filhos dos outros”. Para Cláudia esse foi o ponto alto da palestra. “Não podemos ser individualistas”, frisou a jornalista.

Klinjey afirmou durante o evento que no caso das drogas, o problema do outro é também o nosso problema. “Ainda que o seu filho não esteja envolvido, ele poderá ser vítima de um jovem dependente químico, pois, a falta do produto leva as pessoas a roubar e matar. E dessa violência, não há como nossos filhos escaparem. Daí o fato de cuidar não só de nossos filhos, mas também, dos filhos de nossos vizinhos.

O evento foi organizado pela. Seas e integrou a “Semana de Enfrentamento ao uso indevido de álcool e outras drogas”, de 20 a 26 de junho. O palestrante Rossandro Klinjey é escritor e Psicólogo Clínico. Autor vários de livros, sendo os mais recentes, “As cinco faces do Perdão”, “Help: me eduque”! e “Eu escolho ser feliz”. Klinjey  é consultor da Rede Globo em temas relacionados a comportamento, educação e família, no programa Fátima Bernardes, além de colunista da Rádio CBN. Foi professor universitário por mais de dez anos, quando passou a se dedicar à atividade de palestrante, no Brasil, na Europa e nos Estados Unidos.

SAIBA MAIS: 

Claudia Moura visita restaurante popular idealizado por ela em 2011


Projeto Mãezinha Rondoniense beneficia gestantes em Cacoal e em mais 25 cidades

Grêmio estudantil desenvolve projetos sustentáveis em Seringueiras


Aviva em Ariquemes; o evento evangélico que reuniu mais de 10 mi pessoas


Comunicólogos de Porto Velho debatem lixo plástico e os efeitos nos rios


Fraternidade sem Fronteiras: programa humanitário é exemplo a ser seguido, diz Claudia Moura



Fonte: Rondônia em Ação

Postagens Semelhantes